terça-feira, 24 de março de 2015

E NÃO HAVERIA POESIA?

E NÃO HAVERIA POESIA?

Por Elvis Rossi da Silva



E não haveria poesia
Nas idas e vindas
Nos instantes da vida?
Ainda de tons acrescida
Escuros e tristes,
Não estão no dia a dia?

Não existem todas
Entre as linhas?
Mas não estão perdidas,
Estão no tapete das vidas.
Estão todas, então,
Nesta grande tapeçaria

Vívidas ou tristes,
Do artista, do tapeceiro,
Nas mãos firmes e calmas,
Estão tecendo as almas,
Nos dando outeiro.
Por que não as fiaria?

Não tem a imensa vida
Arco Iris, insisto?
Mas sem prévia tormenta,
O que o mundo ornamenta,
O belo arco multicor,
Não existiria.

Eis aí, então, digo,
Porque existem
Tantas cores nestas regras,
Tristonhas ou negras,
Fazendo contraste
Fazendo produto final, a vida.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos pelo comentário.